Dentes-de-sabre

Dentes-de-sabre
(Smilodon sp.)

Um dos mais conhecidos predadores pré-históricos, retratado na mídia como um feroz e implacável devorador de homens primitivos, o smilodon (também conhecido como tigre-de-dentes-de-sabre, ou simplesmente dentes-de-sabre) fazia jus à sua fama: com uma constituição mais robusta que a de qualquer outro felino moderno, este predador apex do Pleistoceno era especializado em caçar grandes mamíferos, como bisões e camelos – o que indica que seria um antagonista formidável para qualquer hominídeo.

Três espécies de smilodons foram identificadas: S. gracilisS. populator e S. fatalis, sendo as duas últimas mais recentes. Habitando o que hoje são as Américas, acredita-se que estes felinos viviam em florestas densas onde podiam emboscar suas presas no meio da vegetação. Seus hábitos sociais são alvos de debate: alguns pesquisadores defendem que o dentes-de-sabre vivia em grupos como os modernos leões (hipótese fortalecida por ser bastante comum a descoberta de restos de vários indivíduos próximos, como acontece com frequência no poço de piche de La Brea, em Los Angeles), mas outros acreditam que seu comportamento seria a de um felino solitário, como o dos modernos tigres (já que o tipo de caçada de emboscada em mata fechada não é típico de animais que caçam em grupo; além do mais, não é incomum que tigres reúnam-se eventualmente ao redor de uma carcaça).

Talvez o maior felino já existente, o S. populator chegava a pesar 400kg e a medir 1,20m (altura da cernelha, ou seja, do solo até os ombros em posição quadrúpede), mas tinha um cérebro relativamente menor que o de felinos modernos. Porém sua característica mais marcante, sem sombra de dúvida, foi a que lhe deu o apelido de dentes-de-sabre: caninos superiores super desenvolvidos que podiam chegar a medir 28cm de comprimento! Mas uma estrutura tão comprida e delgada era frágil demais para atingir ossos durante uma mordida; assim, imagina-se que o smilodon devia subjugar sua presa com suas garras e seu tamanho avantajado, para então desferir uma mordida na garganta da vítima. Como um par de punhais, os compridos caninos cortariam sua jugular e/ou a traquéia, matando a presa rapidamente.

Comparação de tamanho entre um homem mediano e um Smilodon fatalis (que era relativamente menor que o S. populator)

Comparação de tamanho entre um homem mediano e um Smilodon fatalis
(que era relativamente menor que o S. populator)

Mas o tigre-de-dentes-de-sabre era realmente uma ameaça para nossos antepassados? Não é uma resposta simples, mas podemos imaginar que o combate não era fácil para nenhum dos dois lados. Muito embora um hominídeo só e desarmado fosse uma presa fácil para este felino, a questão é que, quando os homens primitivos chegaram aos domínios do smilodon, já tinham se tornado caçadores eficientes e sofisticados que podiam utilizar lanças e pedras como armas. Assim, a relação de presa e predador pode ter se alternado entre estas espécies. De qualquer forma, grandes predadores costumam evitar-se, já que o risco à sua vida e integridade física é maior que o oferecido por presas menos agressivas. No entanto, o caminho entre eles deve ter se cruzado com alguma frequência. De fato, o smilodon não só representava um elevado risco para o homem, mas também teria sido um sério concorrente na caça das mesmas presas, de modo que não é difícil imaginar que talvez tenham sido os primatas que partiram para a ofensiva com o objetivo de erradicar esta ameaça do seu território, contribuindo com as mudanças climáticas na extinção destes grandes felinos.

Veja tambÉm...

19 respostas

  1. Era um animal admirável. Sem dúvida o meu predileto na pré-história.

  2. Helder Roger disse:

    Pra quem é de São Paulo, no Museu Catavento tem a réplica do que seria uma espécie de Dentes-de-sabre que viveu no Brasil.

  3. Douglas Riff disse:

    Bom texto, mas é indispensável incluir a informação de que o Smilodon foi revelado por material encontrado em Minas Gerais, no atual município de Lagoa Santa, pelo dinamarquês Peter Lund. Essa é a primeira descoberta.

    Veja mais aqui: https://www.academia.edu/15633136/O_homem_que_encarou_o_tigre-dentes-de-sabre

    e aqui: http://brasileiros.com.br/2008/06/o-homem-que-encarou-o-tigre-dentes-de-sabre/

    Att

  4. 1,20m (altura da cernelha, ou seja, do solo até os ombros em posição quadrúpede) se é looooooooko :O hahahahaha

  5. Uma dúvida…? Há indícios da existência de camelos nas Américas ou do dentes de sabre na Ásia ou Oriente Médio..ou são específicos de cada região..?

  6. Uma coisa que sempre me intrigou com relação a esses animais, era o fato de imaginar o quão grande teria que ser a sua abertura de boca para poder conseguir, de fato, prender a caça com a arcada. Essas presas são enormes!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

PAPO DE PRIMATA precisa ter certeza de que você não é um robô! Por favor, responda à pergunta abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>