Galimimo


Galimimo
(Gallimimus bullatos)

O galimimo é a mais famosa espécie de “dinossauro avestruz” já encontrado. Possuidor de um longo pescoço, uma cabeça minúscula com um comprido focinho (sem dentes) e pequenos membros anteriores, contrastando com longas e poderosas pernas, não é difícil descobrir porque têm este apelido. Aliás, “gallimimus” significa justamente “imitador de galinha”.

Como muitos animais que adaptaram-se a vigiar seu ambiente em busca de possíveis predadores, este dinossauro possuía os olhos dos lados da cabeça, o que lhe dava um vasto ângulo de visão, embora não muito acurada. Os grandes olhos sugerem uma adaptação para hábitos noturnos. Seus ossos leves e ocos (um dos indícios do seu parentesco com as aves), em conjunto com suas compridas pernas, tornavam-no um corredor admirável que podia atingir a velocidade de 70 km/h (duas vezes mais rápido que um corredor olímpico)! À maneira de muitos animais velocistas modernos, sua longa cauda atuava como estabilizador na corrida.

Durante muito tempo, os pesquisadores imaginavam que o galimimo era herbívoro, mas hoje acredita-se que sua alimentação era mais diversificada, incluindo, além de plantas, ovos, insetos e pequenos répteis. Seu comprido focinho sem dentes possivelmente permitia que utilizasse a mandíbula inferior como uma pá, uma ferramenta que provavelmente teria sido útil na trituração de materiais rígidos como nozes ou raízes.

Chegando a medir 8m (da ponta da cauda à cabeça) e a pesar 400kg, este terópode vivia no fim do Cretáceo, na região que onde hoje é a Mongólia, e é bem possível que fosse emplumado, como muitos outros animais aparentados.

O galimimo ficou muito popular no cinema depois de uma cena de “O PARQUE DOS DINOSSAUROS“, onde um grupo destes animais era atacado por um tiranossauro. Esta cena provavelmente não foi muito diferente da realidade: esta espécie era contemporânea e habitava o mesmo local que o terrível tarbossauro, um parente próximo e muito semelhante ao tiranossauro. É, não devia ser uma vida muito fácil para estes velozes dinossauros!

(Créditos da imagem: “Tarbosaurus and Gallimimus”, arte do paleoartista John Conway, indicada pelos amigos Colecionadores de Ossos!)


Veja tambÉm...

10 respostas

  1. OBSERVAÇÃO:

    Ontem, esta fanpage publicou este mesmo texto com uma ilustração de galimimos que não estava de acordo com as descobertas paleontológicas mais recentes. Nossos atentos e criteriosos amigos do Colecionadores de Ossos apontaram o problema e ainda sugeriram uma ilustração mais correta, obra do paleoartista John Conway.

    O PAPO DE PRIMATA e o seu público agradecem! 🙂

  2. Carlos Miguel disse:

    Finalmente alguma ilustração com penas.

  3. To tentando imaginar uma avestruz de oito metros :O :O

  4. No zoo daqui tem um avestruz e é um animal muito interessante é enorme e lembra um dinossauro e ao mesmo tempo uma galinha gigante… e é agressivo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PAPO DE PRIMATA precisa ter certeza de que você não é um robô! Por favor, responda à pergunta abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.